Mata Atlântica: fique por dentro do que acontece nas áreas verdes da sua cidade

Compartilhe:
Foto: Creative Commons
Foto: Creative Commons

Se você se interessa ou quer começar a entender mais sobre a preservação da Mata Atlântica, a Fundação SOS Mata Atlântica criou o hotsite Aqui Tem Mata?, que mostra o estado de conservação de florestas, restingas e mangues do bioma. Os dados estão disponíveis a qualquer pessoa e podem ser reutilizados com finalidades de educação e defesa da proteção da floresta.

O objetivo da SOS Mata Atlântica é tornar mais acessíveis os dados e o histórico das cidades abrangidas pelo Mapa de aplicação da Lei da Mata Atlântica. A ferramenta, que mostra a situação dos 3.429 municípios abrangidos pela Lei da Mata Atlântica, permite ao público ver facilmente os remanescentes florestais do seu município via web, celulares, tablets.

O site tem informações atualizadas do Atlas da Mata Atlântica, produzido anualmente pela ONG em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), e aponta onde estão as áreas protegidas de cada cidade, incluindo parques e reservas em níveis federais, estaduais e municipais, além das Reservas Particulares de Patrimônio Natural (RPPNs).

Além disso, o site mostra a situação da vegetação natural do município (florestas nativas) e também os campos de altitude, várzeas, refúgios, mangues, restingas e dunas, com base em imagens geradas pelo sensor OLI a bordo do satélite Landsat 8. O Aqui Tem Mata será atualizado no final de maio, quando a edição 2016 do Atlas de Remanescentes Florestais da Mata Atlântica será lançada.

“O ‘Aqui tem Mata’ é uma ferramenta que a SOS Mata Atlântica criou para que as pessoas conheçam as florestas das suas cidades e estejam mais conscientes sobre os locais que ainda restam de Mata Atlântica, um dos biomas mais ameaçados do planeta. Quase 72% da população brasileira vive na Mata Atlântica, em 17 Estados do País e hoje restam apenas 12,5 % da floresta nativa original.

Até hoje, os programas da Fundação SOS Mata Atlântica já ajudaram a plantar mais de 36 milhões de mudas de Mata Atlântica no Brasil nos últimos 16 anos. Foram 21 mil hectares restaurados, área equivalente à da cidade de Recife (PE).